Camila Fremder

Nasci em São Paulo, mais precisamente no dia 18 de novembro de 1981. Sou formada em propaganda e marketing e pós-graduada em roteiro para TV e cinema.

Nunca achei que fosse virar escritora, mas tudo começou em 2007 quando resolvi fazer um blog de crônicas e criei o “Parece filme, mas é vida mesmo…”. Em 2009 tive a surpresa de ter seis textos meus publicados em um livro que lançava novos autores, chamado Prólogo#1, foi aí que peguei gosto pela coisa até que o “Parece filme, mas é vida mesmo…” virou livro em 2011.

Nesse meio tempo comecei a desenvolver conteúdo para empresas, revistas, sites e blogs, além de roteiros para diversas produtoras. Pois é, também nunca achei que fosse virar roteirista.

Já escrevi para muitas revistas femininas, como TPM, Harpers Bazaar e Glamour, onde tive uma coluna por 4 anos.

No final de 2013, em parceria com a amiga Jana Rosa, lancei o livro “Como ter uma vida normal sendo louca” e depois em 2015 o livro “Enfim, 30”.

Adoro o que faço e nesse site você pode acompanhar meus textos, novos trabalhos e um pouco do que me inspira.

 

  • Jornal Meio e Mensagem

    Jornal Meio e Mensagem

    Março de 2014

    Entrevista para o Iba

    Entrevista para o Iba

    Janeiro de 2014

  • Entrevista no Jô Soares

    Entrevista no Jô Soares

    Dezembro de 2013

    Programa Fátima Bernardes

    Programa Fátima Bernardes

    Dezembro de 2013

  • O Globo

    O Globo

    Dezembro de2013

    Revista Veja SP

    Revista Veja SP

    Novembro 2013

Anterior Próximo

E-mail – camila.fremder@gmail.com

Camila Fremder

Os caos que virou dividir o Snapchat com 6 pessoas

Postado por

Como alguns já devem ter percebido, estou dividindo meu Snapchat (@cafremder) com outras “pessoas” e pra quem começou a me seguir só agora, ou vai me seguir depois de ler esse post, resolvi apresentar minhas colegas e explicar um pouco sobre cada uma:

Nádia: É energia pura! Fervida, ela adora baladas, tem uma vida social agitada e muitos amigos. Nascida em SP, Nádia é figura conhecida nas festas e camarotes vips mais badalados. Adora compartilhar tudo no snapchat e se filmar muito lokita com seus amigos da night.

A última vez que foi vista foi na madrugada de sexta para sábado (12/02) suas amigas e familiares ainda não estão preocupados com isso pois Nádia ama afters que duram mais de 3 dias.

nadia

Nádia em campanha #freeTamara

 

Tamara: Para Tamara a vida sempre Tá Mara! A carioca alto astral que trabalha com cinema, ama ser livre e curti bons momentos em qualquer lugar, com qualquer companhia. Adepta da religião Rastafari, essa discípula de Jah quer espalhar sua vibe onde for, inclusive na prisão onde esteve por quase uma semana, depois de se pega com os seios de fora e um “cigarrinho de artista” num bloquinho de carnaval nas ruas do Rio. Mas foi graças a Nádia que mobilizou toda rede social com a #FreeTamara que ela está hoje em liberdade curtindo a vida com muita paz no coração.

tamara

Tamara sempre mara.

Sylvinha: Ariana de forte personalidade, Sylvinha é do tipo que não leva desaforo pra casa. Seu jeito esquentado engana a grande amiga que é, foi ela a única a visitar Tamara na prisão. Nascida e criada em Campinas, Sylvinha veio para São Paulo atrás de um namorado chamado Cláudio. O romance não deu certo, mas ela fez novas amigas, começou a trabalhar como jornalista e Cláudio nunca mais foi visto. Sylvinha tem bom coração, mas paciência tem limite, na boua.

sylvinha

Sylvinha aliviando o stress na academia.

 

Clarice: A mineira mais meiga e tímida do snapchat é puro Carisma. Fã de Sandy e Junior e Spice Girls Clarice trabalha como designer frelancer para várias revistas. Ficou amiga de Sylvinha quando as duas trabalhavam numa revista de moda e desde então andam juntas, por mais que Sylvinha se irrite com o jeito distraído de Clarice, a amizade segue e a parceria de trabalho também. Clarice infelizmente está presa desde 11/02 quando tentou visitar a amiga Tamara no presídio, e foi acusada injustamente de tentar entrar com um aparelho celular. Nádia já encabeçou um movimento #freeclarice nas redes sociais, mas nossa mineira ainda não foi solta.

clarice

Clarice é só amor <3

Célia Saruti: Advogada, empresária e workaholic Célia nasceu em Manaus, mas cresceu no Rio de Janeiro onde abriu um escritório de representação de artistas e influencers. Ela conheceu Tamara numa festa depois de uma pré-estréia, e enxergou no grupo de amigas de Tamara a oportunidade de trabalhar nas redes sócia marcas de seu escritório. Célia se tornou agente de todas e encaminha trabalhos e publipost para as meninas quase que diariamente, mesmo sendo a pessoa mais perdida das redes sociais.

celia

Célia, trabalho e mais trabalho.

Vanessa di Napoli – É irmã por parte de pai de Tamara. Vanessa é mais velha que Tamara, e mesmo morando em São Paulo a vida toda, as duas nunca ficaram sem se ver, e se falam por telefone quase todos os dias. Vanessa é marketing de uma grade empresa de moda que usa os serviços de Célia. Ela ama ler, odeia brigas e é a mais ajuizada das meninas. Vanessa está num retiro espiritual desde a quarta-feira de cinzas, e como está sem celular, nem ficou sabendo que Tamara esteve presa.

vanessa

Vanessa é só sorrisos.

Movimento encabeçado por Nádia que libertou Tamara:

snap