Camila Fremder

Nasci em São Paulo, mais precisamente no dia 18 de novembro de 1981. Sou formada em propaganda e marketing e pós-graduada em roteiro para TV e cinema.

Nunca achei que fosse virar escritora, mas tudo começou em 2007 quando resolvi fazer um blog de crônicas e criei o “Parece filme, mas é vida mesmo…”. Em 2009 tive a surpresa de ter seis textos meus publicados em um livro que lançava novos autores, chamado Prólogo#1, foi aí que peguei gosto pela coisa até que o “Parece filme, mas é vida mesmo…” virou livro em 2011.

Nesse meio tempo comecei a desenvolver conteúdo para empresas, revistas, sites e blogs, além de roteiros para diversas produtoras. Pois é, também nunca achei que fosse virar roteirista.

Já escrevi para muitas revistas femininas, como TPM, Harpers Bazaar e Glamour, onde tive uma coluna por 4 anos.

No final de 2013, em parceria com a amiga Jana Rosa, lancei o livro “Como ter uma vida normal sendo louca” e depois em 2015 o livro “Enfim, 30”.

Adoro o que faço e nesse site você pode acompanhar meus textos, novos trabalhos e um pouco do que me inspira.

 

  • Jornal Meio e Mensagem

    Jornal Meio e Mensagem

    Março de 2014

    Entrevista para o Iba

    Entrevista para o Iba

    Janeiro de 2014

  • Entrevista no Jô Soares

    Entrevista no Jô Soares

    Dezembro de 2013

    Programa Fátima Bernardes

    Programa Fátima Bernardes

    Dezembro de 2013

  • O Globo

    O Globo

    Dezembro de2013

    Revista Veja SP

    Revista Veja SP

    Novembro 2013

Anterior Próximo

E-mail – camila.fremder@gmail.com

Camila Fremder

Me deixem ir embora

Postado por

TEXTO 1 DA MARATONA DE 30 TEXTOS – CAMI E JANA

Toda vez que eu tô numa festa, jantar, aniversário ou coisa do tipo ninguém me deixa ir embora na hora que eu quero. As pessoas simplesmente não aceitam que durante a maravilhosa companhia delas eu sinto, do nada, uma vontade muito grande de ir embora, assim, sem mais nem menos. Ficam tentando me convencer com aquele papo de, “Mas ainda tá tão cedo!” ou “Calma, toma mais um drink…” enquanto eu dou mil desculpas para tentar explicar o inexplicável.

O meu sonho era estalar os dedos e desaparecer, evaporar, ser teletransportada para a minha casa. Sabe um super-herói que recebe um chamado urgente e saí voando por uma janela? Então, queria muito sair voando e que todo mundo entendesse essa minha urgência de sumir.

–       Cadê a Camila?

–       Então, acho que ela já foi embora porque olha só, a janela da sala tá escancarada.

–       Ai que bom que ela foi, ela deve estar nos salvando de algum monstro que veio de um outro planeta, né?

–       Sim, eu me sinto muito seguro toda vez que ela sai voando pela janela da minha casa sem dar explicações.

 

super

Maratona 30 textos Cami e Jana

Postado por

Mais um livro em parceria com Jana Rosa <3 dessa vez falando sobre um outro tipo de loucura – chegar nos 30 anos.

Nosso livro (ainda não podemos divulgar o nome, não porque estamos fazendo tipo, mas porque a editora não deixou)  já está sendo editado pelo pessoal da editora Paralela, ele ainda não tem data certa de lançamento, mas como somos muito ansiosas resolvemos escrever 30 textos, (aleatórios e sem dia certo para serem postados) cada uma em seu site até o dia do livro ser lançado, meu primeiro texto entra amanhã!

Por isso, não deixem de entrar no site da Jana e aqui no meu, afinal, 30 + 30 = 60 textos pra não te deixar na mão enquanto o livro está a caminho. Uma atitude fofa, além de uma ótima oportunidade para eu voltar a atualizar esse site e justificar o pagamento desse domínio.

Ilustro o post com essa linda imagem do dia que assinamos o contrato com a editora:

assinatura

 

 

 

Muay Thai

Postado por

Me matriculei numa academia cara do bairro e acabou dando certo, eu só relaxo do stress que é pagar aquela mensalidade fazendo muito exercício. Testei a aula de Muay Thai essa semana e sou a mais perdida da turma, tão perdida que acabei de procurar no Google como é que se escreve Muay Thai.

No meio da aula o professor berra, “O Carnaval tá chegandooooo! Vamoooo!” e eu dou um sorriso fofo pra ele mostrando a minha felicidade com a chegada de um feriado longo desses, mas ele cruza os braços e me olha feio porque eu parei de fazer abdominal. O grito de carnaval dele era por um abdómen mais trincado, e não por uma semana inteira dormindo e vendo seriado.

Ele ensina uma sequência de chutes e socos que treinamos sozinhos e sem o saco de pancadas, e eu me sinto um desses doidinhos de rua que fazem a gente mudar de calçada porque falam sozinhos e fazem gestos estranhos.

A sala é toda de vidro e uma moça que lavava a louça no prédio ao lado, ficou assistindo o meu treino pela a janela, senti muita vergonha. Essa noite sonhei que um vídeo meu sendo ridícula na aula vazou na internet, fiquei tão nervosa com essa possibilidade que fui pra aula de bike hoje de manhã pra desestressar.

A aula de bike tem som bombando e luz de casa noturna. Saí da sala escura, morta de cansaço, tomando uma água gelada e me deparei com esse sol absurdo, foi a mesma sensação de sair de um after.

Amanhã tem Muay Thai de novo, espero que a moça já tenha lavado a louça.

Uma Jornada Mística no Peru – final

Postado por

Já está no ar o último episódio de “Uma Jornada Mística no Peru” <3

Adorei fazer parte desse projeto, é muito divertido pensar no roteiro semanas antes, mas depois chegar no local onde vamos gravar e poder mudar tudo kkkkkk… A equipe toda foi fantástica e acho que isso reflete bastante no resultado do vídeo. Tks pessoal da Cavallaria, da Tricot e da Vogue Eyewear! Que venham muitos outros projetos!

 

 

Como os nossos pais, e avós, e bisavós…

Postado por

Aos 30 e poucos é bom que você tenha uma boa desculpa pra dar caso você já seja casada, mas ainda não tenha filhos. A minha desculpa era a pós-graduação que acabou nesse mês. Ninguém nunca me perguntou sobre a pós, as pessoas só se preocupam se eu estou transando no dia certo, ou se meu ovário tem cistos.

Você tenta contar sobre o novo livro que está escrevendo, mas a dúvida que apita no ouvido das pessoas não é sobre o tema do livro, e sim se eu vou continuar assinando os meus trabalhos com o meu nome de solteira. “O seu marido não pediu pra você mudar de nome?”.

E muita gente não me considerem totalmente uma mulher casada, já que eu não fiz festa, “Faz só um jantar para os mais próximos então!”. Pois é, encontrar alguém que combine com você no meio de milhões de pessoas não é o suficiente. Você tem que oferecer champagne, camarão e rasteirinha no final.

Você tem que jogar o buquê no meio da rodinha de meninas que vão se acotovelar e desmanchar o coque rosquinha, pra conseguir agarrar essa promessa de um dia mudar o sobrenome e conversar sobre a data certa pra transar.

Fico até espantada como os tempos mudaram…

Meu sonho maluco ou 4º Ep Vogue Eyewear

Postado por

Já está no ar o quarto episódio da nossa websérie “Uma jornada no Peru”, e agora que assisti novamente, acabei de me lembrar como essa filmagem foi lokaaa!!! 
Cinco minutos depois que desligamos a câmera rolou um show no meio do trem, umas pessoas com máscaras peruanas entraram dançando, e sabe quando você sente aquele misto de medo com animação? Parecia que eu tava num sonho com uns 30% de chance de virar um pesadelo. Mas aí, todos tiraram as máscaras e uma música meio “batidão” substitui a peruana, e do nada, começou a rolar um desfile de malhas e ponchos peruanos!!! Surreal…
O que tinha 30% de chance de virar um pesadelo voltou a ser um sonho bem maluco, daqueles que você acorda e precisa contar pra alguém, sabe? Só que era real mesmo, ou eu não acordei até agora… Será? Alguém me belisca?

Segue o vídeo:

Machu Picchu – Vogue Eyewear

Postado por

Machu Picchu foi de longe o lugar mais diferente que eu já visitei. Além do visual fantástico, você realmente sente a energia do local, e olha que eu nem sou o tipo de pessoa que acende incenso em casa, toma banho de sal grosso e fala que fulano tem energia pesada. Mas lá você sente mesmo uma força, uma sensação de paz absurda, uma coisa inexplicável, comprei até uns incensos pra acender em casa, sabe como é que é, tem gente que tem a energia meio pesada…

Subimos uma boa parte a pé e confesso que sem mascar umas folhas de coca seria impossível, a dor de cabeça atrapalha, a falta de ar também, mas é só chegar no topo e ver aquele visual que você esquece tudo.

No terceiro episódio da nossa webserie que você confere abaixo, dá pra sacar bem o que eu tô falando. Acende o seu incenso e dá play:

Glamour de dezembro: O Reality

Postado por

Tive a divertida tarefa de roteirizar o vídeo de fim de ano da Glamour. O resultado ficou a coisa mais fofa do mundo, e a melhor surpresa foi a Grazi, que é mais “zuera” que a gente kkkkkk….

Quem dirigiu foi minha amiga Leka Mendes <3

Dá o play:

Uma jornada mística no Peru – Vogue Eyewear

Postado por

Depois de lançar a sua segunda coleção para a Vogue Eyewear, a “The Mystic Collection”, Isabelli Fontana, que adora o misticismo, se lançou em uma jornada para se aprofundar no universo desse tema.

Tive o prazer de participar como roteirista desse projeto que resultou em cinco vídeos maravilhosos filmados no Peru e assinados pela Cavallaria Filmes.

No primeiro episódio de “Uma jornada mística no Peru” que você assiste abaixo, Isa começa sua jornada silenciando a mente para se conectar melhor com a energia local, e nada pode ser mais impressionante e místico do que Moray, um sítio arquiológico construído por ruínas circulares.

A nova coleção já está disponível nas melhores óticas do Brasil!

Captura de Tela 2014-10-07 às 13.56.35

Minha segunda lojinha no Enjoei! <3 <3 <3

Postado por

Alô você dona de casa, estudante, metaleiro, empresário, jiu jitsero, empreendedor, ambulante, você que faz chapinha num dia de chuva, você que vai a feira e compra fiado, e até você que não dá like na foto de ninguém no instagram e acha ruim que ninguém dá like nas suas… Todos vocês estão convidados a conhecer a minha segunda lojinha no Enjoei!

Ela é natalina, ela variada ela é a sua cara, seja lá qual cara você tem.

Eu escolhi um duende sinistrão chamado Clóvis pra apresentar essa lojinha comigo, apenas porque acredito em duendes e quanto mais sinistrão mais poder! Cuidado, o Clóvis pode ser vingativo, pode entrar na sua casa e sumir com alguma meia, não custa avisar.

Pega as suas economias, quebra esse porquinho, tira essa grana preta que tá embaixo do colchão fazendo volume!!! É hora de gastar!

https://www.enjoei.com.br/ca-fremder

Ver mais